Marketing de conteúdo: entenda como a educação do mercado fortalece seu negócio

O e-commerce é um dos poucos segmentos que manteve o crescimento em 2015 e continua aquecido este ano, abrangendo empresas de todos os portes que querem, mais do que nunca, abocanhar a parcela da população brasileira que já aderiu à modalidade de vendas online.

Diante de uma concorrência tão acirrada no âmbito digital, acabam se sobressaindo aquelas marcas que abandonam o lugar comum para transformar seus visitantes em seguidores, por meio da produção intermitente de conteúdo qualificado que, muito antes de focar na venda de um produto, venha a educar o público consumidor, prestando, por tabela, um grande serviço à população.

Marketing de conteúdo: entenda como a educação do mercado fortalece seu negócio
Marketing de conteúdo: entenda como a educação do mercado fortalece seu negócio

Neste artigo, você vai ficar por dentro dos benefícios da produção de conteúdo com vistas à consolidação da autoridade das empresas, além de saber de que forma essa alimentação sistemática tende a auxiliar na estratégia do funil de vendas a fim de que você obtenha sucesso no seu empreendimento. Confira a seguir.

Geração de valor e mais visibilidade

O erro de muitos empreendedores é exigir do marketing de conteúdo vendas imediatas, como se cada blog post fosse uma peça publicitária capaz de gerar clientes interessados no produto. Na verdade, vendas são consequências mais que bem-vindas de uma estratégia afinada, pois o objetivo principal do marketing de conteúdo é gerar valor para as pessoas, fornecendo informações que sejam realmente úteis para resolver os mais diversos problemas do dia a dia. A proposta é que a empresa seja vista como uma autoridade da sua área de atuação pelo público consumidor, ganhando automaticamente mais visibilidade nas buscas do Google e nas redes sociais, que, por sua vez, atraem enorme fluxo de visitantes diariamente.

Mais conversões

Quando aplicado a qualquer etapa do funil de vendas, o marketing de conteúdo é um agente conversor de visitantes em leads, e de leads em clientes, lançando mão de toda uma sorte de artigos, blog posts e materiais ricos alinhados em Call To Actions (CTA’s), landing pages e páginas de próximos passos. Essa estratégia visa preparar o conteúdo mais adequado para acompanhar a persona em sua jornada de compra, deixando, assim, de tratar o prospect como simples target para entendê-lo como um indivíduo com dores e dúvidas que precisam ser sanadas rumo a uma compra consciente no fundo do funil, a meta suprema do marketing de conteúdo.

Menos é mais
Mais conversões e maior engajamento

Maior engajamento

Hoje em dia, o acesso à internet em plataformas mobile só veio a radicalizar a postura indiferente do consumidor diante de uma explosão diária de propagandas e informações dispensáveis. Ninguém mais admite com facilidade uma ligação de telemarketing ou um banner do tipo “splash” que cubra todo o touchscreen do seu dispositivo mobile. Por outro lado, essa saturação fez com que as pessoas aprendessem a valorizar conteúdos de qualidade – que prestam serviços antes de se preocupar em vender. E ao apostar no conteúdo como principal diferencial, as empresas não só fortalecem a autoridade da marca, mas geram engajamento, com vídeos que venham a se tornar virais, posts compartilhados em redes sociais e comentários em posts que acabam se transformando em valiosos testemunhais para a marca.

Melhor relacionamento

Como já dissemos acima, uma empresa que se restringe a tratar seu prospect como target, sem se preocupar em educá-lo por meio de conteúdo diferenciado, perde enormes oportunidades de conquistar autoridade perante a concorrência e de estabelecer um relacionamento que, ao longo do caminho, gere engajamento e upselling, que é uma estratégia que visa oferecer um outro produto, geralmente de valor menor, após a compra do primeiro produto que estava sendo oferecido. A partir do momento em que você alinha automação e marketing de conteúdo, você passa a nutrir sua base de leads com informações que irão transformar seus prospects em evangelizadores da sua marca, pessoas que promoverão informalmente seus produtos em todos os meios possíveis, desde o tradicional boca a boca entre parentes e amigos até as redes sociais.

shutterstock_374648065
Gere valor, se relacione e Venda Mais!

Pós-venda mais rentável

Reter e fidelizar um cliente é muito mais barato do que investir na atração de um novo cliente. Sobre isso não pesam dúvidas, tendo o marketing de conteúdo um papel crucial para viabilizar esse mecanismo de retenção no pós-venda. Os chamados “clientes recorrentes” correspondem a 70% da receita das empresas e, para mantê-los dispostos ao upselling, é preciso alimentá-los frequentemente com um conteúdo exclusivo, direcionado, que destaque não só a cadeia de vantagens, como descontos, cupons e promoções, mas também gere entusiasmo em relação à marca. Afinal, estudos mostram que os motivos que levam a pessoa a comprar são muito mais relacionados à identificação que sentem com a marca do que as qualidades dos produtos em si.

Autoridade

É extremamente necessário reforçar esse ponto, uma vez que a autoridade é o principal objetivo do marketing de conteúdo. No Brasil, pouquíssimas empresas conseguem produzir o conteúdo diferenciado que gere engajamento a ponto de estabelecer uma autoridade para a marca. Muitas até aderem à metodologia do marketing de conteúdo, mas empacam na velha receita do “mais do mesmo”, com textos que não empolgam, apenas saturam a web. A autoridade é o maior ativo que sua empresa pode almejar, pois resulta em confiabilidade e, consequentemente, vendas.  Mas para se chegar a ela, é preciso persistência: produção e divulgação de conteúdo qualificado constantemente, nos canais mais viáveis, conforme as normas de SEO (Search Engine Optimization) e de acordo com a expectativa das personas. Só assim sua empresa deixará de ser mais uma, entre milhares, que disponibiliza blog, newsletter e fan page para se tornar uma autoridade no ramo de atuação.

Bom, agora que ficou por dentro de algumas vantagens do marketing de conteúdo, já deve ter entendido que, pelo bem do seu negócio, não é mais uma questão de “por que” investir nessa estratégia, e sim de “quando”. Pode ter certeza: a concorrência já descobriu que o marketing de conteúdo, ao viabilizar a criação de ativos, aumentar a percepção positiva sobre a marca, fidelizar a clientela e fomentar o upselling – e tudo isso por um custo bem menor do que o marketing tradicional com campanhas em rádio, impresso e TV – é a melhor chance de garantir uma existência duradoura no e-commerce.

Já se convenceu do poder do marketing de conteúdo? Então talvez esteja na hora de contratar uma consultoria de marketing para evitar percalços rumo ao seu sucesso.

Powered by Rock Convert

Compartilhe o post:

Powered by Rock Convert

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Descubra o que é o leadlovers


Quero ficar atualizado sobre as melhores práticas e dicas do blog Automação de Vendas para melhorar o e-mail marketing. Se você não curtiu, basta cancelar. Leia a nossa política de privacidade para mais informações.

Siga-nos: