Seguidores no Instagram não são clientes

Se tem algo que todo empreendedor na atualidade busca é ter mais visibilidade nas mídias sociais. Afinal, o que não falta são referências como a frase: “Quem não é visto não é lembrado!”

E quando assunto é visibilidade, o Instagram ganha disparado por ser uma das redes sociais de maior alcance para marcas no Brasil e no mundo. Por isso, é cada vez maior o número de empreendedores, empresários e influencers buscando formas de aumentar o número de seguidores.

Mas, será que ter mais seguidores no perfil do Instagram realmente significa mais vendas no final do mês? Não necessariamente.

Neste artigo nós vamos desmistificar alguns dos pontos mais duvidosos a respeito do gerenciamento de mídias sociais. E embora haja centenas de cursos e ferramentas no mercado com a finalidade de “bombar” o seu perfil, aqui você vai aprender a maneira mais lucrativa para gerenciar o Instagram de sua marca.

Passe o cartão
Seguidores não são clientes até que passem o cartão

1. Seguidores não são clientes até que passem o cartão

Ou paguem o boletinho…

Essa parece bem óbvia, mas… tem muita gente que ainda se confunde.

O número de seguidores que um perfil atrai não necessariamente corresponde ao faturamento daquele empreendedor.

E isso se deve a vários fatores, principalmente, ao fato de que muitos seguidores estão em momentos diferentes da jornada de compra.

Só para recordarmos: seguidores no estágio de topo do funil, são aqueles que ainda nem sabem que têm um problema a ser resolvido. Eles não estão buscando soluções.

E nas redes sociais, mais especificamente no Instagram, a grande maioria do público está exatamente nesse momento da jornada, o topo do funil.

Talvez ele até tenha algum incômodo e esteja buscando informações sobre. Mas, geralmente, quando estamos em redes sociais buscamos entretenimento, diversão, ou até mesmo, distração para os nossos problemas.

Ou seja, a maioria das pessoas que chega ao seu perfil ainda não está pronta para comprar de você. Principalmente, se você representar uma marca desconhecida para ela.

E enquanto o seguidor não compra, ele permanece no funil, precisando ser trabalhado e conduzido pelas etapas da jornada.

Métricas de vaidade
Cuidado com as métricas de vaidade

2. Não se deixe enganar por métricas de vaidade

Número de curtidas e números de seguidores são as famosas métricas de vaidade.

É bem legal fazer um post e ele receber várias curtidas. Do mesmo modo, ter um perfil com milhares de seguidores virou até ostentação entre os jovens. Qualquer adolescente hoje em dia conhece uma gama de aplicativos que geram curtidas e seguidores.

Sabendo disso, fica bem fácil compreender que muitas curtidas em seus posts ou seguidores chegando ao perfil não é o que vai efetivamente gerar vendas em sua loja.

No entanto, existem no Instagram mesmo, métricas bem melhores para você acompanhar.

Elas estão no Analytics dos perfis comerciais.

Para conhecer as métricas, leia esse artigo.

Em resumo, mais do que muitos seguidores, você precisará construir um perfil que atraia as pessoas que precisem da solução que você oferece.

Eu gosto de dizer que marketing é ajudar pessoas a resolverem seus problemas.

E aí fica a pergunta? Qual problema do seu público você resolve atualmente?

Analisando somente por esse aspecto, o seu perfil tem atraído as pessoas certas, a ponto delas comprarem de você?

Se a resposta for não, é hora de mudar a sua estratégia no Instagram para atrair os clientes certos, enquanto ainda há tempo.

Clientes pelo instagram
Saiba como atrair clientes através do Instagram

3. Como atrair clientes pelo Instagram

Sim, aqui estamos falando de atrair potenciais clientes e não somente seguidores.

No estágio inicial do funil, o seguidor do Instagram ainda não é um potencial cliente, mas há um segredo que pode transformá-lo em seu cliente.

Este segredo se resume em uma única frase:

“Conteúdo é rei.”

O seu conteúdo é o responsável por atrair a audiência certa para o seu produto ou serviço.

Quando você publica conteúdos que realmente geram valor, pois ajudam a sua audiência a tirar dúvidas e esclarece sobre pontos de incômodo na vida dela, você está criando uma fonte de seguidores qualificados.

Não adianta fazer posts aleatórios e nem postar somente frases de motivação – frases funcionam, mas não são para ser usadas com exagero. Você precisa conhecer as dores do seu público e ter um perfil cada vez mais voltado a resolver essas dores.

Por exemplo, se você é dono de uma loja de roupas infantis, a maioria do seu público será de mães com filhos pequenos.

Não adianta somente postar fotos de peças de roupas e promoções. Fotos bonitas podem receber muitas curtidas, até porque curtir é de graça mesmo.

Mas postar um conteúdo que gere valor para essas mães, como por exemplo “Como fazer o bebê dormir melhor à noite”, além de curtidas, pode gerar um engajamento muito maior, compartilhamentos e principalmente, gratidão.

Que mãe insone não daria mais atenção a um perfil que a ajuda a resolver os problemas da maternidade. E que ainda vende roupas para crianças. Perfeito, não é mesmo?

Quando o seu público se torna grato pelo seu conteúdo, inicia-se uma relação mais profunda que pode resultar em vendas, ao longo da vida. Pense nisso como uma estratégia de médio e longo prazo.

Relacionamento próximo
Tenha um relacionamento mais próximo

4. Aproxime o relacionamento

Como anda o seu relacionamento com os seus seguidores?

Você já deve ter percebido que em redes sociais, o relacionamento é difuso e distante. Isso porque a mensagem é postada para um público bastante amplo.

Por outro lado, o seu seguidor também não recebe somente o seu conteúdo.

Imagine que se uma pessoa segue 500 perfis e 50% deles são marcas, ele vem recebendo informações de pelo menos 250 empresas, todos os dias. E você representa apenas uma delas.

Para ter a atenção do seu público, o ideal é aproximar o relacionamento e trazê-lo para uma área que você domine, pois nessa área a concorrência deixa de existir.

Existem alternativas dentro e fora do Instagram, para você construir um funil e conduzir os seus seguidores até o posto de clientes.

É sobre isso que vamos falar no próximo tópico.

5. Passo a passo para transformar seguidores em clientes

Que seguidores não são clientes, você já entendeu até aqui. Mas, claro, se você continuou lendo, é porque você quer saber COMO transformá-los em clientes, se a porta de entrada deles em sua empresa continua sendo o Instagram.

Eu resumi em 7 passos simples o que você pode fazer a partir de agora, para transformar seus seguidores em clientes e conduzi-los pela sua jornada, do feed do Instagram até o checkout.

1 – Crie conteúdo de valor que atraia a audiência certa

Esse é o primeiro passo. Se precisar, remodele o seu perfil. Procure deixá-lo mais profissional e temático possível.

Não deixe sombra de dúvidas para o seu seguidor. Ele precisa chegar ao seu perfil e saber exatamente quem é você e como você pode ajudá-lo.

Do mesmo modo, seguidores que não tem interesse no seu produto, devem sentir-se compelidos a sair do seu perfil. Afinal, você precisa de seguidores engajados e que vão dar ao seu perfil cada vez mais visibilidade ao seu serviço.

2 – Esqueça os números

Um único cliente engajado pode trazer retornos maiores que milhares de seguidores. Lembre-se que do outro lado da telinha existe uma pessoa, com sentimentos, dores e desejos.

Responda comentários, tire dúvidas de sua audiência. Uma simples resposta pode ser tudo que seu futuro cliente precisa para sentir segurança para comprar.

3 – Encontre formas de direcionar a sua audiência para seu domínio

Quanto menor o ruído na comunicação, mais fácil para o seu receptor compreender a sua mensagem.

Em vez de disputar a atenção de sua audiência com centenas ou até mesmo milhares de outros perfis que eles seguem, procure direcioná-los para um relacionamento mais próximo.

Uma boa lista de contatos
Tenha uma lista de contatos

4 – Tenha uma lista de contatos

Construa a sua lista própria. Você pode, por exemplo, criar uma lista de close friends, que é um recurso do próprio Insta.

Do mesmo modo, você pode estreitar ainda mais o relacionamento, oferecendo uma recompensa para quem deixar o e-mail ou o número de Whatsapp – ou ambos.

Esse é um caminho comum no marketing digital e com ferramentas como Leadlovers e Whatslovers, fica muito mais simples gerenciar os seus contatos e realizar uma comunicação efetiva.

5 – Gere ainda mais valor para sua lista

Mostre às pessoas os benefícios de fazer parte de sua lista de contatos. Gere conteúdo específico que resolva suas dores, dê dicas quentes, faça ofertas vantajosas.

Assim, eles continuarão o contato com você e ainda podem indicá-lo para parentes e amigos. Não esqueça que seu contato com eles é online, mas a vida segue offline.

6 – Compartilhe os resultados de quem compra de você

Um dos maiores conversores de vendas é, sem dúvidas, o depoimento. Também conhecido como prova social, o depoimento de quem compra de você pode converter sozinho muitas vendas.

Ele serve também para eliminar objeções e tirar aqueles clientes que estão em dúvida, de cima do muro.

Provas sociais são excelentes conteúdos para serem publicados e seu feed e destaques, trazendo os seguidores para mais perto e reiniciando o ciclo.

Esse é o caminho para você ter cada vez mais clientes, enquanto aumenta seu número de seguidores que convertem.

Porque se curtida fosse bom, o Instagram não teria removido, não é mesmo?

Para saber mais como transformar seu Instagram numa máquina de vendas, baixe nosso conteúdo especial.

Powered by Rock Convert

Compartilhe o post:

Tags: , ,

Powered by Rock Convert

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Descubra o que é o leadlovers


Quero ficar atualizado sobre as melhores práticas e dicas do blog Automação de Vendas para melhorar o e-mail marketing. Se você não curtiu, basta cancelar. Leia a nossa política de privacidade para mais informações.

Siga-nos: