Tudo sobre e-mail marketing: como fazer e seus benefícios

O e-mail marketing é uma ferramenta do marketing digital que permite fazer ações diretamente com o público. Por meio dessa estratégia, uma empresa pode informar, se relacionar e vender para potenciais e atuais clientes. Essa “multifuncionalidade”, aliada ao seu baixo custo, ROI positivo, campanhas bem planejadas e executadas e outros fatores, faz com que o e-mail marketing seja uma solução eficaz para gerar novos negócios.

Nas próximas linhas você entenderá como elaborar uma estratégia de e-mail marketing, suas melhores práticas e os seus principais benefícios. Acompanhe!

Tudo_sobre_e-mail_marketing_como_fazer_e_seus_benefícios.jpg.jpeg
E mail marketing e seus beneficios

Saiba como fazer um e-mail marketing

Para começar uma campanha de e-mail marketing você primeiramente precisa de uma lista de contatos. Ao ter uma base para se comunicar, o processo deve passar pelos seguintes passos:

Estude e segmente o seu público

Nem todos os seus contatos possuem perfis e interesses parecidos. Alguns apenas se cadastraram em sua lista por interesse em seu conteúdo, enquanto outros realmente têm uma demanda e consideram as ofertas da sua empresa para solucionar seus problemas. Diante disso, o seu planejamento não deve ser voltado apenas para um nicho ou outro, mas sim focado em atender as vontades de cada grupo de pessoas, sejam elas leads ou não.

Quanto mais os e-mails forem personalizados ou menos generalistas, mais chances do público interagir e tomar alguma decisão.

Definas metas e objetivos

Uma campanha de e-mail marketing pode ter diversas finalidades e formatos, como lançar um novo produto/serviço, promover ofertas, divulgar promoções, concursos e sorteios, enviar newsletters, propagar conteúdos do blog, qualificar os leads ou impulsionar o download de materiais ricos (e-books, whitepapers, pesquisas, etc.).

Sabendo disso, você deve imaginar a importância de ter objetivos e metas para servirem de referência para uma campanha. Por exemplo, se o seu objetivo é diminuir o ciclo de vendas de um produto, não adiantará enviar seguidas newsletters, visto que a ideia é vender mais rápido e não informar por mais tempo.

Envios de e-mail marketing
Estabeleça uma sequência de envios de e-mail marketing

Estabeleça uma sequência de envios

Esse passo é o produto natural da soma das duas primeiras etapas. Elaborar uma sequência se torna uma tarefa bem mais simples se você conhece os diferentes grupos existentes em sua base de contatos e sabe os objetivos que precisam ser atingidos em sua campanha.

Pense em uma hipotética landing page, onde as pessoas possam se cadastrar em sua lista em troca de um e-book. Nessa página se pede para que os visitantes coloquem o nível do seu cargo dentro da empresa em que trabalham (estagiário, operacional, gerente, diretor, CEO e outros). A partir desse parâmetro, diferentes sequências são definidas, pois o interesse de um estudante é diferente de um diretor. Uma sequência é mais voltada para informação e outra para vendas.

Produza conteúdos relevantes

A questão do bom conteúdo está ligada com a relevância — fator principal para ter sucesso em uma campanha de e-mail marketing. Ninguém consome um e-mail que não parece ter sido enviado para a pessoa certa.

Portanto, se coloque no lugar das pessoas que receberão seus e-mails, procure ajudá-las e atue como aquele conselheiro que tem as melhores dicas no momento certo. Se um grupo de contatos necessita ser mais informado, dê informações e conhecimento a eles. Se outra parcela precisa daquele último empurrão para converter no seu e-commerce, dê um cupom de desconto ou envie uma promoção exclusiva.

Conquistar o público
Conquiste o público pelos títulos do e-mail marketing

Conquiste o público pelos títulos

O título será o primeiro contato do seu e-mail com o público, logo, ele precisa ser atraente, apaixonar o leitor à primeira vista. Imagine o título “Confira nossas ofertas para o dia das mães” em comparação a “CORRA para garantir até 50% de desconto para o presente da sua mãe!”. Aposto que entraríamos em um consenso que o segundo exemplo teria mais aberturas, cliques e vendas.

Evite ultrapassar os 60, 70 caracteres e alterne entre a criação de urgências, curiosidades e exclusividades. Procure mostrar que seu conteúdo será único, interessante e valioso para o público.

Mensure todas as ações

No e-mail marketing cada envio precisa ser monitorado. Todas as possíveis ações dos leads e outros contatos devem ser considerados e analisados por meio de métricas, como taxa de abertura, taxa de cliques, descadastramentos, respostas e conversões no site.

A mensuração em tempo real é importante para alterar configurações de envio, realizar testes e otimizar as campanhas para que se alcance as metas e objetivos predeterminados.

Práticas do e-mail marketing
Descubra quais são as melhores práticas de e-mail marketing

Descubra quais são as melhores práticas de e-mail marketing

Fazer e-mail marketing envolve uma série de práticas recomendadas para estabelecer uma comunicação mais assertiva com o público e trazer mais resultados para a empresa. Confira os principais pontos abaixo.

  • Não compre listas prontas: além de antiético essa prática prejudica a imagem da sua empresa. Crie listas a partir de cadastros voluntários e espontâneos das pessoas (opt-in).
  • Conte com um software profissional: plataformas de automação de marketing e e-mail marketing são muito importantes para garantir a entrega das mensagens para um grande número de contatos. Servidores como Gmail e Outlook não foram feitos para isso.
  • Procure ser pessoal: devido ao e-mail ser uma ferramenta mais íntima ou individual, o fato de colocar o nome do destinatário no corpo do e-mail e o da pessoa que envia como remetente (em vez do nome da empresa) ajuda a criar uma conexão mais estreita entre as partes.
  • Tenha bom-senso na frequência de envios: evite lotar a caixa de entrada dos seus contatos com e-mails diários. Dê um intervalo de 2, 3 ou 7 dias entre um e-mail e outro. Em alguns casos, o próprio lead pode determinar os prazos.
  • Não fale apenas sobre você: se você pretende vender seus produtos, não fale o quanto eles são bons, mas sim sobre seus benefícios e experiências que eles já proporcionaram e podem proporcionar aos clientes.
  • Permita a opção para descadastramentos: as pessoas não são obrigadas a continuar recebendo e-mails que elas não querem mais. Logo, ao final de cada mensagem disponha de um link o qual cada contato possa se descadastrar.
  • Destaque os Calls to Action: o posicionamento dos seus CTAs é fundamental para atrair mais cliques, portanto, distribua os links ao longo de todo e-mail para facilitar a tomada de ação dos usuários.

Conheça os benefícios do e-mail marketing

Conheça os benefícios do e-mail marketing
Conheça os benefícios do e-mail marketing

Melhore relacionamentos

O e-mail é uma ferramenta de comunicação mais direta que as redes sociais e isso faz dele um meio mais eficiente para estreitar os vínculos entre empresas e consumidores. Mesmo cada e-mail sendo enviado para centenas ou milhares de pessoas, cada um tem um toque mais pessoal e alinhado com as interações que os próprios leads fazem ao longo do funil de vendas. Logo, como a comunicação é mais assertiva, as chances de envolvimento e fidelização de clientes são maiores.

Qualifique seus leads

O e-mail ainda é a forma mais simples de manter contato com os consumidores que tem ou podem vir a ter interesse de compra em seus produtos e serviços. Com os conteúdos distribuídos na etapa de nutrição, a qualificação de leads se torna um processo menos trabalhoso, pois, normalmente, as informações compartilhadas são de grande interesse por parte do potencial cliente. Assim, os próprios leads avançam em estágio de interesse e fornecem mais informações importantes para a empresa.

Gere ROI positivo

Dados da emailmonday apontam que para cada 1 euro investido em e-mail marketing o retorno é, em média, de 38 euros. São quase 40 vezes de ganho. Isso se deve ao fato de ser uma mídia barata, de grande alcance e entrega mais rápida das mensagens. A possibilidade de automatizar toda a execução contribui na economia de tempo e gastos com o processo.

Saber como fazer e-mail marketing não é difícil, porém é preciso ter atenção com cada detalhe que envolve a criação de uma campanha, desde o planejamento até a mensuração. Coloque na balança os benefícios e veja se essa é a melhor tática para atrair e fidelizar mais clientes para a sua empresa. Aproveite e deixe o seu comentário dizendo o que achou do artigo e tire todas as suas dúvidas.

Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert

Compartilhe o post:

Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert

2 Comentários

  1. MuriBR says:

    Eu tenho uma lista de 480.000 clientes, conquistada no meu site antigo site de Dropship que infelizmente tive que fechar. Como eu poderia usar essa lista? Quais seriam os passos? Fazer a lista toda teria um custo mensal de R$5.000,00 só com envio de uma mensagem por semana e eu nem tenho certeza do retorno que essa lista poderia me dar.
    Alguém que tenha experiência saberia me dizer?

    • Oi,

      Depende dos objetivos que você pretende alcançar, o quê você pretende entregar para essa lista. Depois seria interessante segmentar a lista, uma forma é perguntando para ela quem gostaria de receber o seu conteúdo, depois trace uma estratégia com objetivos para quem aceitar receber o seu conteúdo.

      Se precisar, é só nos contatar via chat, outra dica é dar uma pesquisada mais aprofundada em nutrição de leads para ter uma ideia de que como aquecer a sua lista.

      Valeu.

Deixe o seu comentário!


Descubra o que é o leadlovers


Quero ficar atualizado sobre as melhores práticas e dicas do blog Automação de Vendas para melhorar o e-mail marketing. Se você não curtiu, basta cancelar. Leia a nossa política de privacidade para mais informações.

Siga-nos: