Como funciona a avaliação de desempenho 360 graus

Empresas de sucesso buscam melhorar constantemente os seus resultados. Mas, para que isso aconteça de maneira eficiente, é necessário adotar mecanismos de avaliação e análise que permitam entender o rendimento dos colaboradores e do próprio negócio. Nesse aspecto, a avaliação de desempenho 360 graus pode ser uma boa solução.

Com essa ferramenta, é possível compreender melhor a percepção que as pessoas ao redor de um determinado profissional têm dele. 

Esses feedbacks permitem buscar melhorias na rotina de trabalho e otimizar o desempenho de cada colaborador, o que impactará positivamente no resultado da empresa.

Quer saber mais sobre a avaliação de desempenho 360 graus? Então, não deixe de conferir os próximos tópicos. Boa leitura!

O que é a avaliação de desempenho 360 graus?

Esse modelo busca oferecer uma análise objetiva sobre os colaboradores de uma empresa. 

Para isso, os profissionais que se relacionam com uma determinada pessoa é que farão a avaliação, expondo as suas percepções e oferecendo.

Com isso, feedbacks pontuais que permitem um crescimento contínuo no ambiente de trabalho.

Entenda como a avaliação de desempenho 360 graus pode ajudar sua equipe

A avaliação de desempenho 360 graus é realizada por meio de um questionário respondido pelos superiores, por profissionais do mesmo cargo ou de status semelhantes, subordinados, fornecedores e, em alguns casos, até mesmo por clientes internos e externos. Isso dá uma amplitude de avaliação bastante importante.

Nesse questionário, são avaliados, por exemplo, os seguintes itens: atitudes, capacitação, habilidades técnicas, perfil comportamental, pontos fortes, pontos fracos e quesitos a serem melhorados.

Qual a importância de aplicar esse tipo de avaliação?

A avaliação de desempenho 360 graus é uma ferramenta pensada e utilizada para a gestão de pessoas

Dessa forma, ela se baseia em análises sistemáticas de todas as ações de um profissional em sua rotina na empresa — funções, tarefas, responsabilidades, relacionamentos interpessoais, metas, resultados e potenciais.

Com isso, a empresa tem a oportunidade de analisar, de maneira ampla e abrangente, o perfil do profissional, assim como a sua contribuição e o potencial para a corporação. 

Além disso, o próprio colaborador, ao receber o feedback, tem a possibilidade de avaliar o seu desempenho e adotar medidas de melhoria contínua.

Quais os tipos de avaliação de desempenho 360 graus?

Existem três modelos de avaliação de desempenho 360 graus que uma empresa pode adotar. Veja, abaixo, quais são eles.

Modelo enxuto

Com três alternativas para resposta, é possível conseguir um feedback preciso e satisfatório com agilidade. 

O questionário, que pode abordar diversos temas, dá a possibilidade de três marcações: “nunca”, “às vezes” ou “sempre”.

Modelo direto

Oferece perguntas mais subjetivas e mais opções de respostas — “nunca”, “pouco”, “algumas vezes”, “muito” e “quase sempre” —, porém, oferece mais subsídios para análises éticas e de comprometimento profissional.

Modelo complexo

O modelo complexo se utiliza de duas perguntas por tema e tem como objetivo principal analisar equipes que necessitam de alto desempenho profissional para enfrentar os desafios de mercado — ou seja, contam com metas e objetivos mais agressivos.

Apesar de contar com um número de perguntas maior por cada tema, as respostas se limitam a “nunca”, “algumas vezes” e “sempre”.

Aplique a avaliação de desempenho 360 graus na sua empresa e melhore resultados

Aplicando a avaliação de desempenho 360 graus

Quer entender melhor a avaliação 360 graus? Então vamos a um exemplo: para realizar essa análise são selecionados colaboradores da companhia que têm contato recorrente e constante com o profissional a ser realizado. 

Pode ser o gestor, chefe imediato, diretor, colega e até mesmo clientes e fornecedores.

Eles irão observar alguns aspectos do funcionário avaliado, levando em consideração os modelos apresentados neste artigo. 

Dessa forma, conforme os aspectos avaliados, como desempenho e produtividade, são desenvolvidas as perguntas a serem usadas. Também é realizada uma auto avaliação.

Por fim, é um apresentado um feedback tanto para a empresa quanto para o colaborador avaliado. O objetivo é identificar potencialidades e oportunidades de melhoria.

Como vimos, a avaliação de desempenho 360 graus é uma solução interessante para as empresas que estão em busca de melhorar os seus resultados. 

Afinal, ao entender o perfil dos seus colaboradores, é possível otimizar os resultados finais. Portanto, aproveite as informações deste artigo para desenvolver os seus mecanismos de avaliação.

Autor: PontoMais - Desde 2015 agem de forma inteligente para mudar a rotina de empreendedores e RHs do Brasil todo. Mais que um sistema de controle de ponto, um parceiro para um RH mais prático e estratégico.

Compartilhe o post:

Tags: , ,


0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Descubra o que é o leadlovers


Quero ficar atualizado sobre as melhores práticas e dicas do blog Automação de Vendas para melhorar o e-mail marketing. Se você não curtiu, basta cancelar. Leia a nossa política de privacidade para mais informações.

Siga-nos: