Como a 3DM quase Dobrou o Faturamento Em Um Ano e 5 Coisas que Sempre nos Falaram e a Empresa Provou o contrário

Tem uma empresa e quer melhorar seus resultados? Então você está no lugar certo…

Mais do que transmitir conteúdo de qualidade, nós queremos mostrar para as pessoas que sonhos podem se tornar realidade e que o sucesso chega com muita persistência e foco.

E nada melhor do que provar isso com casos reais dos nossos clientes, não é mesmo?

Hoje a história que iremos contar é da 3DM e do seu fundador, Diogo Moita. Para explicá-la melhor, separamos em 5 pequenas partes para você e depois ainda falaremos de 5 coisas que sempre nos falaram e que a empresa provou o contrário… Vamos ler?

1. O início costuma ser difícil

Faturamento: O início costuma ser difícil
O início costuma ser difícil

Diogo Moita se formou em 2005 e logo começou a fazer freelancers de maquetes eletrônicas para arquitetura.

No ano seguinte, fundou a 3DM, que na época prestava serviços de maquete eletrônica exclusivamente para escritórios de arquitetura.

Os anos passaram e, principalmente, entre os anos de 2008 e 2009 Diogo se viu bem cansado, estava trabalhando demais, ganhando pouco e notou que a 3DM não estava indo bem…

2. A grande ideia pode estar do seu lado

A grande ideia pode estar do seu lado
A grande ideia pode estar do seu lado

Até que em 2010 sua namorada (atual esposa) fez o primeiro infoproduto que Diogo tinha visto na vida. Ela desenhou um nicho de banheiro, um recorte de alvenaria na parede do box. Após concluí-lo, passou esse desenho para o pdf e salvou no celular dela.

Assim, para vender o material, criou um botão no PagSeguro no valor de 10 reais e inseriu no blog dela. Quando alguém comprava, ela recebia o e-mail do PagSeguro e enviava em anexo o documento com o desenho para o e-mail do cliente.

Tudo era feito por um smartphone bem simples e barato: “Era a coisa mais rudimentar que se possa imaginar”– Conta Diogo.

Apesar de toda simplicidade, ela ganhou um pouco de dinheiro com aquilo e Diogo, maravilhado com a possibilidade, avistou ali uma ótima ideia. Por essa razão, naquele momento, passou a concentrar todas as suas energias para investir em infoprodutos:

“Vi aquilo e pensei ‘É isso’, ali iniciou a corrida para criar meu primeiro infoproduto.

3. As primeiras pequenas grandes conquistas

As primeiras e pequenas grandes conquistas
As primeiras e pequenas grandes conquistas

Dessa maneira, no ano seguinte (2011), Diogo somou algumas conquistas: Gravou o seu primeiro curso online (3ds Max – Iniciante), montou sua primeira loja online, seu primeiro sistema de ensino a distância (lms) e o blog da 3DM.

Apesar de vender pouco e ter que conciliar o seu trabalho prestando serviços e as gravações nas horas vagas, Diogo não desistiu:

Vendia pouquinho. Mas você não imagina como eu ficava feliz cada vez que recebia um pedido. Aquilo me encheu de energia e continuei gravando.

Em outubro de 2013, então, gravou seu segundo curso online (Curso de V-Ray para SketchUp), adotou o woocommerce e um software específico de lms (LearnDash). Foi aí que as vendas passaram a representar parcela importante da renda familiar.

4. Um divisor de águas chamado Automação de Marketing

Diogo começou a perceber que as pessoas se cadastravam espontaneamente em seu blog e viu que ali poderia ser um meio eficiente de comunicação com seu público.

Pesquisando mais sobre o assunto, descobriu a necessidade de contratar um serviço de e-mail marketing. E, no final daquele ano, passou a utilizar o MailChimp para gerenciar seus leads.

“Eu instalei um plugin que conectava meu blog ao MailChimp e funcionou super bem, eu tinha um pico de vendas toda vez que disparava um e-mail.

Um divisor de águas chamado Automação de Marketing
Um divisor de águas chamado Automação de Marketing

Em maio de 2014, com seu segundo curso na loja, Diogo, finalmente, parou de prestar serviços e passou a se dedicar integralmente ao blog e a criação de seus cursos, blocos e texturas para a 3DM.

Ou seja, parou de desenvolver maquetes eletrônicas para outras empresas e passou a ensinar outras pessoas a desenvolverem tais maquetes: “Foi um momento muito feliz esse” – Declara.

No mês de novembro, Diogo fez sua primeira campanha de Marketing utilizando autoresponder, uma Black Friday. Já tinha mais de 30 mil leads na época e conseguiu vender muito mais do que poderia imaginar, fechando o ano com uma renda mensal 3 vezes maior do que tinha até então.

Em 2015, na sua segunda Black Friday, usando basicamente sua lista no MailChimp, a 3DM faturou 7 vezes mais em 24 horas. No fim do ano, a renda mensal já estava 5 vezes maior do que a que tinha em 2013.

5. A melhor mudança chamada leadlovers

Tudo estava indo muito bem. Mas, em janeiro de 2016, Diogo conheceu mais sobre a Fórmula de Lançamento do Jeff Walker e passou a montar seu próprio lançamento.

Com isso, percebeu que os recursos da plataforma que utilizava até então estavam limitados para os seus objetivos da época, além de estar pagando um valor muito alto.

Foi aí que um de seus amigos, Renan Villar (da Instaeasy), mostrou o leadlovers para ele, que assim migrou de ferramenta:

Fiquei fascinado… O que mais me encantou foi o sistema de funis e gatilhos. Eu conseguia montar sequências e visualizar o lead percorrendo… Aquilo me mostrou um mundo de novas possibilidades.

Em março, Diogo fez o seu primeiro lançamento pelo leadlovers. O sucesso foi muito maior do que ele imaginava: A 3DM faturou 30 vezes mais do que no início em apenas 7 dias. E em setembro, em seu segundo lançamento, seu produto ficou entre os tops da Eduzz, o que fez a empresa faturar 35 vezes mais.

A home da 3D
A home da 3D

Diogo fechou o ano de 2016 com uma renda mensal 9 vezes maior do que a que possuía em 2013. Isso tudo fez com que em janeiro de 2017 lançasse sua própria plataforma de e-commerce e lms, integrada com o leadlovers.

Em maio a 3DM começou a rodar seu primeiro lançamento perpétuo utilizando a plataforma que criou e também o leadlovers. E a empresa segue cada vez melhor: “Hoje, há uma galeria do meu site somente trabalhos desenvolvidos pelos meus alunos. Tenho muito orgulho disso.”

Visão geral do e-commerce 3DM
Visão geral do e-commerce da 3DM

Segundo Diogo, trabalhar com o leadlovers mudou tudo: Desde número de leads, como taxa de entrega, abertura e…

A verdade é que o serviço de vocês destravou minha empresa, a gente passou da marca de 70.000 leads, só não tem mais porque eu faço faxina nessa lista com frequência. A taxa de entrega e abertura subiu muito! Quando mando broadcast para a lista inteira chego a ter 25% de taxa de abertura, quando mando para as listas que foram montadas com duplo optin chega na casa dos 50% de taxa de abertura.”

Mais do que isso, a mudança para o leadlovers quase dobrou o faturamento da 3DM em um ano:  “Mas o melhor é que as conversões aumentaram, as vendas mesmo… Sou bem satisfeito com isso. De dezembro de 2015 a dezembro de 2016 eu tive um aumento de cerca de 80% no faturamento. Quase dobrou.

Faturamento: Diogo Moita em um de seus vídeos no canal do YouTube da 3DM
Diogo Moita em um de seus vídeos no canal do YouTube da 3DM

Agora que você já conhece um pouco da história de sucesso da 3DM, iremos contar as 5 coisas que sempre nos falaram e que a 3DM provou o contrário. Vamos lá?

5 coisas que sempre nos falaram e que a 3DM provou o contrário

1. Ideias boas são complexas

A maioria das pessoas durante a vida tem ideias excelentes e nunca falam para ninguém ou jamais colocam em prática. Tudo por pensar que para uma ideia ser um sucesso precisa ser a mais genial e complicada do mundo.

No relato de hoje vimos que isso é um erro e que, ao contrário, devemos encontrar meios de facilitar as coisas

A ideia da na época namorada e hoje mulher de Diogo Moita de vender seu desenho em PDF foi simples e ao mesmo muito boa.

Ideias boas são complexas
Ideias boas são complexas

Com as palavras do próprio Diogo:

Era um desenho simples que você precisa entregar pro pedreiro. Ela transformou esse desenho em pdf e colocou esse arquivo pdf no celular dela. Naquela época os smartphones estavam começando e a gente era super duro, então o celular era um ‘xing ling’ bem vagabundinho… Mas tinha wifi e enviava email.” 

Isso foi o suficiente naquele momento. Aliás, se não fosse essa atitude de Natália (esposa do Diogo) de fazer acontecer com os recursos que possuía no momento muito provavelmente nada que contamos aqui teria acontecido, não é mesmo?

2. Começar um negócio exige muito dinheiro

Muitas pessoas passam a vida afirmando que não começam o seu negócio por não possuírem dinheiro o suficiente para dar início.

A história da 3DM é só mais um exemplo para provar o contrário: Começou a partir de recursos modestos e, aos poucos, conseguiu feitos extraordinários.

Como falamos no item anterior, a ideia inicial necessitou somente de um celular simples, pois o casal na época não contava com muitos recursos financeiros.

Começar um negócio exige muito dinheiro
Começar um negócio exige muito dinheiro

Inclusive, foi justamente o fato de trabalhar muito e ganhar pouco que fez Diogo repensar tudo e agir para mudar a sua realidade.

E quem vai dizer que não valeu a pena?

3. Não dá para começar um negócio nas horas vagas

Além de usarem a falta de dinheiro como desculpa, há muitas pessoas que culpam o tempo na hora de justificar a falta de iniciativa  em dar continuidade a um empreendimento.

Quantas vezes ouvimos dizer que é impossível mudar de vida fazendo o que pode nas horas vagas e que quem quer resultado precisa cair de cabeça em um só projeto?

Diogo fez o contrário. Continuou prestando serviços até o momento que as vendas dos infoprodutos dele começaram a gerar retorno considerável. Arriscou, acreditou, mas em nenhum momento agiu com irresponsabilidade.

Não dá para começar um negócio nas horas vagas
Não dá para começar um negócio nas horas vagas

Como dissemos acima, ele gravava nas horas vagas até o momento em que viu que poderia se dedicar exclusivamente aos cursos, e-commerce e blog.

Vale salientar que durante esse meio tempo, Diogo casou, teve filhos e mesmo com todas as responsabilidades e deveres, persistiu na busca do seu sonho.  

Ou seja, não tem desculpa, certo?

4. Não se mexe em time que está ganhando

Para quem assiste futebol essa frase é uma mais clássicas, certo? Mas a gente sabe que nem nos campos nem fora deles isso pode ser levado como verdade absoluta.

A 3DM já estava crescendo consideravelmente quando Diogo, sempre estudando, percebeu que a plataforma que utilizava não oferecia recursos que ele necessitava.

E após conhecer o leadlovers por meio de um amigo, migrou de plataforma sem medo.

Não se mexe em time que está ganhando
Não se mexe em time que está ganhando

Portanto, se mexe em time que está ganhando, sim. Ou melhor, podemos considerar uma frase do empresário Roberto Justus nesse caso: “Quem disse que em time que está vencendo tem toda razão do mundo. Mas não mexer não quer dizer não melhorar.”

Diogo não se contentou com vencer e quis melhorar… Conseguiu.

5. Se quer fazer bem feito, faça você mesmo

Muitos empreendedores, para economizar, ao começar um negócio, tentam fazer tudo sozinho e acabam não focando em seus pontos fortes, de fato…

Durante a conversa que tivemos com Diogo foi fácil perceber o quão inteligente e cheio de ideias ele é. Ainda sim, quando precisava de algo que não era a sua especialidade, não hesitou em contar com a ajuda de quem sabia mais sobre o assunto.

Diogo relatou que contou com a ajuda de programadores na hora de desenvolver plugins próprios e depois com uma agência na hora de criar todo sistema da 3DM (e-commerce, lsm, lançamento perpétuo). Além é claro, da decisão de contratar o leadlovers haha 

Se quer fazer bem feito faça você mesmo
Se quer fazer bem feito, faça você mesmo

Contratei um programador e fizemos um plugin para wordpress, um popup simples, que integrava com o serviço de vocês. Funcionou super bem! Chamei ele de novo e fizemos um outro plugin que revela o conteúdo do post somente se o usuário colocar o email. Funcionou de novo! Mas o que mais me chamou atenção foi essa facilidade de criar sequências, gatilhos e a facilidade de manusear os leads.”

É o que falamos sempre: Se concentre nas ideias e estratégias sempre que tiver essa alternativa. Uma empresa sempre será um investimento, não dá para crescer e não colocar parte dos resultados de volta ali. Avareza não combina com empreendedorismo, ok?

Portanto acredite: Focar na sua parte e delegar funções para quem sabe o que faz pode ser muito mais econômico, principalmente em longo prazo

A 3DM após quase dobrar o faturamento em um ano, com certeza, é a prova viva disso, não é mesmo?

E aí, o que achou da história da 3DM? Também quer praticamente dobrar o  seu faturamento em meses? Então, não perca mais tempo, conheça melhor o leadlovers aqui.

Mas se você já é nosso cliente e quer contar a sua história de sucesso com a nossa plataforma, deixa um comentário para gente e nós entraremos em contato. Iremos adorar te ver aqui no nosso blog inspirando mais empresas e pessoas a atingirem seus objetivos e sonhos.

Compartilhe o post:

Tags: , , , , , , ,

Saiba Como Automatizar Suas Vendas!

Aprenda a automatizar suas vendas e foque no que realmente importa.


Quero ficar atualizado sobre as melhores práticas e dicas do blog Automação de Vendas para melhorar o e-mail marketing. Se você não curtiu, basta cancelar. Leia a nossa política de privacidade para mais informações.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Siga-nos: