Como Abrir um E-commerce e Investir Pouco

O aumento do número de pessoas querendo aprender como abrir um e-commerce é uma realidade. Não só no Brasil, como em todo o mundo.

Até porque os consumidores passaram a comprar mais na internet. O que estimulou o desenvolvimento de vários empreendimentos online.

As lojas virtuais são uma alternativa interessante aos empreendedores.

Entre as várias vantagens de um e-commerce está o fato de que não é preciso arcar com os gastos que envolvem a locação e outros recursos indispensáveis para as lojas físicas.

Com um e-commerce, é possível vender produtos diretamente na internet. Sem precisar de um espaço físico.

Mas, afinal, como fazer isso sem investir muito dinheiro?

Como Abrir um E-commerce e Investir Pouco
Como Abrir um E-commerce e Investir Pouco

No artigo de hoje, daremos algumas dicas sobre o assunto. E também mostraremos algumas estratégias para gerar engajamento e alcançar boas perspectivas de vendas.

Vamos aprender?

1 – Comece montando um estoque

Como Abrir um E-commerce e Investir Pouco - Comece montando um estoque
Comece montando um estoque

A montagem do estoque é o primeiro custo para abrir um e-commerce. Por esse motivo, é importante começar a organizar os seus produtos como uma fase inicial de operação.

Dessa forma, a sua empresa garante que todos os clientes tenham acesso à mercadoria.

Aqui, a dica é pesquisar muito bem antes de fechar parceira com um determinado fornecedor ou comprar matéria-prima.

Até mesmo os centavos são essenciais, pois a pouca economia pode render uma boa quantidade de dinheiro no final.

Recomenda-se reservar de 30% a 40% do capital para o estoque.

Além disso, opte por itens que tenham qualidade. Se necessário, verifique a certificação de produtos para ter certeza que está realizando uma boa compra de estoque.

2 – Conheça quem é o seu público

Como Abrir um E-commerce e Investir Pouco - Conheça quem é o seu público
Conheça quem é o seu público

Uma das grandes vantagens do e-commerce é que essa modalidade de negócio não tem barreiras geográficas.

Isso significa que a sua empresa pode vender para pessoas de todo o mundo. Desde, é claro, que tenha capacidade para enviar as mercadorias.

No entanto, essa ampliação de vendas não significa que o seu negócio não precisa ter uma identidade. Ou melhor, ser orientado a um público específico. Inclusive, os consumidores buscam cada vez mais por um atendimento e produtos personalizados.

Sendo assim, vale a pena investir em uma pesquisa sobre engajamento, para verificar as características da sua audiência. O que agrada seus clientes e, desse modo, ter informações suficientes para começar a construir o site do seu e-commerce.

3 – Opte por uma boa plataforma

Como Abrir um E-commerce e Investir Pouco - Opte por uma boa plataforma
Opte por uma boa plataforma

Depois de ter dados relevantes em mãos e um bom estoque, é o momento de abrir o seu e-commerce, ou seja, escolher a plataforma correta para o desenvolvimento do site.

Cerca de 5% a 20% do seu capital inicial deve ser reservado para este processo, uma vez que a estrutura da página será a grande responsável pela atração dos clientes e, consequentemente, pelas vendas.

Aqui, vale algumas dicas:

  • Invista em uma plataforma responsiva;
  • Opte por um design atraente e padronizado;
  • Organize os elementos de maneira intuitiva;
  • Tenha boas ferramentas de gestão online.

Além disso, o seu site precisa posicionar os CTAs (Call to Action) em locais específicos, para orientar o usuário na realização de alguma ação, como a compra da mercadoria.

4 – Invista em Marketing Digital

Como Abrir um E-commerce e Investir Pouco - Invista em Marketing Digital
Invista em Marketing Digital

Já que o seu negócio está na internet, nada melhor do que investir em estratégias de divulgação online, com a ajuda do Marketing Digital.

Esse processo fará com que os usuários conheçam o seu negócio e, dessa forma, criem um bom relacionamento com a marca.

Inclusive, vale a pena investir em um treinamento de vendas e marketing digital, caso tenha alguma dúvida sobre campanhas de atração e retenção de leads (potenciais clientes). Isso irá ajudar na melhor orientação do planejamento de marketing da sua empresa.

Uma dica é focar na produção de conteúdo relevante para o seu público-alvo. Até porque o consumidor digital está cansado das propagandas massivas e invasivas, que imperam no marketing tradicional.

Ao contrário disso, o usuário da internet está interessado na informação. Portanto, nada melhor que nutrir a sua audiência com materiais valiosos, que mostrem o quanto o seu comércio eletrônico é especialista em um determinado assunto.

5 – Faça análises periódicas

Faça análises periódicas
Faça análises periódicas

Mesmo que o seu negócio seja inteiramente online, é preciso lidar com algumas burocracias do mercado. Por isso, vale a pena ter um serviço de digitalização de documentos para organizar essa parte e disponibilizar os arquivos importantes do seu negócio.

Além do mais, os empreendedores digitais devem analisar periodicamente o desempenho do seu e-commerce. Bem como das campanhas de marketing digital.

Através desse processo, é possível ter insights melhores e mais assertivos sobre quais são as melhores estratégias para o seu público-alvo.

Conclusão

Como Abrir um E-commerce e Investir Pouco - Conclusão
Conclusão

Abrir um e-commerce não é algo que demanda muito investimento. Por esse motivo, várias pessoas estão arriscando o empreendedorismo digital. 

O artigo de hoje buscou trazer algumas dicas para você orientar melhor a construção do seu comércio eletrônico e orientar o investimento, tendo um ótimo retorno. Assim, você alcançará o sucesso com o seu negócio!

 

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Compartilhe o post:

Tags: , , , ,


0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Siga-nos: