Como e para que criar personas? Saiba aqui!

Se você trabalha com design, publicidade ou marketing, certamente já passou pelo conceito de público-alvo ao elaborar uma peça ou campanha publicitária. Afinal, antes de projetarmos qualquer solução, precisamos entender com quem estamos falando e o que o público deseja.

Hoje, contudo, usamos um recurso que nos permite um entendimento ainda mais profundo sobre os compradores: as personas. Quer entender os motivos para começar a aplicar a ferramenta em suas estratégias de marketing? Confira o que selecionamos para você!

Descubra o que são personas
O que são personas?

O que é buyer persona?

Imagine o seguinte cenário: um empreendedor cria um blog para sua empresa, contrata redatores capacitados para alimentá-lo com conteúdos, conta com uma equipe de designers que está em dia com as últimas tendências do web design e, após meses de trabalho árduo, não consegue um lead ou um cliente sequer para o seu negócio. Antes de chorarmos com o triste fim desta história, uma pergunta: onde está o erro deste empreendedor?

Pensou em uma resposta? Se você questionou a ausência do público neste exemplo, está no caminho certo! Não podemos atingir as pessoas certas se elas não estão incluídas no planejamento de toda a equipe de marketing. Para facilitar a tarefa, nos munimos de personas para irmos ao encontro dos interesses de nosso público.

Buyer personas são personagens semifictícios criados para que toda a equipe envolvida na estratégia de marketing entenda o perfil do cliente. Além de reunir características sociodemográficas, comumente utilizadas na definição de público-alvo, as personas reúnem dados que buscam nos nortear sobre os hábitos, comportamentos, motivações, desejos e sentimentos do cliente em relação ao produto ou serviço ofertado pela empresa.

Como as personas podem ajudar com o sucesso da campanha?

Para criar uma estratégia de marketing digital de sucesso, é preciso que você conheça muito bem o público que deseja atingir. Afinal, o real objetivo de uma campanha de marketing é atingir o interesse do comprador ideal, certo? Contudo, quando nos baseamos no público-alvo, nos deparamos com dados um tanto genéricos para uma estratégia que se baseia nos anseios de uma pessoa. Por isso, o designer e programador Alan Cooper criou o conceito de “personas” em seus estudos para um design cada vez mais interativo e próximo de seu usuário.

Início de qualquer estratégia de marketing digital, a persona é indispensável para definir a linguagem de comunicação da empresa, de posts em redes sociais e blogs, que tipo de conteúdos serão produzidos, formato, quais redes sociais usar, palavras-chave, entre muitos outros pontos de uma estratégia de marketing. Ou seja, ela atua como um norte, alinhando todas as equipes envolvidas na campanha e facilitando a aproximação entre o marketing e os interesses do cliente ideal.

Crie suas personas
Como criar suas personas

Como criar uma persona?

Para criar uma buyer persona, não podemos nos basear em suposições e palpites. Afinal, para chegarmos o mais próximo possível do público ideal, é preciso realizar entrevistas, coletar dados de forma sistematizada e pesquisas. As perguntas a serem feitas variam de acordo com o segmento e as intenções da empresa com a campanha. Vejamos alguns exemplos:

1. Qual é o cargo e o que a persona faz no trabalho?

2. Qual é o segmento da empresa?

3. Quais são as suas maiores responsabilidades?

4. Quais são os seus desafios no trabalho?

5. Quais os problemas que enfrenta em sua rotina e que atrapalham a alcançar seus objetivos?

6. Como foi sua última compra? O que o levou a comprar o artigo? Como fez a pesquisa?

Após coletar os dados dos clientes, o próximo passo é analisá-los para encontrar características comuns. Verifique quais são os problemas e reclamações mais citados, bem como as soluções. Veja quais são as características que indicam que os seus clientes têm uma mesma demanda de conteúdo.

Em alguns casos, as empresas trabalham com mais de uma persona. Isso porque não existe um número mínimo ou máximo de pessoas para montar o perfil. Assim, se você levantou 4 personas para sua estratégia de marketing, você terá de trabalhar nestas 4 personas. É preciso alertar, no entanto, que uma estratégia baseada em mais de duas personas pode sair com um preço alto. Recomendamos que você trabalhe com até duas.

Personas perfeitas
Dicas para construir as suas personas perfeitas

Procure não utilizar mais de uma persona para cada tipo de conteúdo. Ou seja, se você deseja fazer um artigo para seu blog, faça-o com base nas características de uma persona. As demais podem ser atendidas posteriormente.

Após levantar e analisar os dados coletados, você vai reunir tudo o que sabe sobre sua persona e personificá-la. Isso significa que você contará uma pequena história capaz de narrar quais é o nome, profissão, idade, hábitos diários, desafios, etc. Isso fará com que sua equipe enxergue este perfil como uma pessoa de verdade. Vamos a um exemplo?

Giovana, 29 anos, gerente há um ano, possui MBA e atua em uma start-up B2C. Giovana é responsável pelo setor de marketing em sua empresa, tem metas a cumprir e poucos recursos. Por isso, avalia cuidadosamente o ROI das campanhas. Seu objetivo é atingir a meta geração de leads e ajudar sua empresa a se tornar uma referência no mercado. Contudo, Giovana conta com uma empresa enxuta e poucos recursos financeiros para isso.

Como podemos ajudar Giovana? Oferecendo conteúdo relevante para a geração de leads e uma plataforma de automação de marketing que a ajude a acompanhar resultados.

É mais simples do que parece, não é mesmo?

3 erros para evitar ao criar personas

Pequenos erros podem afetar sua estratégia de marketing em diversas medidas. Vamos conhecer quais são os mais cometidos para que você saiba como evitá-los?

  • Não compartilhar as personas com a equipe: se algum membro da sua equipe não conhece o perfil do usuário ideal de seu produto ou serviço, ele provavelmente ficará desalinhado em relação às estratégias do time. Até mesmo seu time de vendas pode se beneficiar das personas.
  • Criar personas com base em achismos: embora pareçam simples, as personas são criadas em função de muita pesquisa, levantamento de dados e estudos. Não utilize palpites logo no início de sua estratégia de conteúdo.
  • Perder tempo com características irrelevantes: é fundamental manter o foco nas características importantes para o negócio de sua empresa. Assim, sua equipe pode cumprir essa etapa de maneira mais ágil.

E então, se sente preparado para criar personas e elaborar uma estratégia de marketing de sucesso? Que tal baixar o nosso e-book para otimizar seu empreendimento digital e alcançar mais resultados?

Compartilhe o post:

Tags: , , , , ,


0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Descubra o que é o leadlovers


Quero ficar atualizado sobre as melhores práticas e dicas do blog Automação de Vendas para melhorar o e-mail marketing. Se você não curtiu, basta cancelar. Leia a nossa política de privacidade para mais informações.

Siga-nos: