Formulários para captação de leads: como funcionam

Com tanto conteúdo e tantos usuários, a internet é mesmo um universo infinito e dentro dele existem os formulários para captação de leads.

Como encontrar seu público-alvo em meio a tantos contatos? Assim como achar uma agulha no palheiro, encontrar potenciais consumidores (leads) para a sua marca pode ser uma tarefa muito árdua.

Não somente encontrá-los, mas também conquistá-los e convertê-los em consumidores.

Os esforços das equipes de Marketing e de Vendas se concentram nessa missão, que pode ser muito otimizada se houver um Formulário para captação dos Leads.

Como usar formulário para captura de leads

Se a sua empresa existe, ela deve estar na internet. Se ela está na internet, a página de principal acesso, a Landing Page, deve estar esteticamente coerente com a proposta da marca.

Ainda sim, apenas apresentar os produtos ou serviços de uma forma atraente não garante que os visitantes se tornem consumidores.

Isto é, como converter o grande fluxo de visitas em leads de qualidade?

Para isso é preciso gerar um formulário onde algumas informações essenciais são requisitadas em troca de um benefício, como algum conteúdo rico e exclusivo.

O que é necessário

É preciso, no entanto, muita cautela para não transformar um simples formulário em um inquérito policial que fará a maior parte dos visitantes desistir.

Como captar leads de qualidade? Como aumentar sua cartela de clientes? Como oferecer um email marketing personalizado?

Essas e outras dicas preciosas você confere ao longo deste texto.

DICA 1 –  O BENEFÍCIO DEVE SER INCRÍVEL!

Antes de mais nada, é preciso atrair seus leads com alguma coisa que realmente seja de seus interesses.

Dependendo do ramo da sua empresa, esse conteúdo exclusivo pode variar muito, desde eBooks, Newsletter, Podcasts, Webinários, até  Workshops, Wallpapers e Filtros, por exemplo.

Esse arquivo ou acesso que você oferecerá em troca de algumas informações precisa ser realmente relevante e não estar facilmente disponível na internet.

O cuidado com o título, fontes, cores e formas de apresentação são elementos-chave para gerar interesse.

Se você já tem essa promessa de benefício muito bem trabalhada, basta disponibilizar o formulário em sua Landing Page, com uma pergunta-gatilho, os campos para preenchimento e a recompensa pelo tempo e disposição do usuário.

DICA 2 – SAIBA EXATAMENTE QUAL ESTRATÉGIA UTILIZAR

O seu principal objetivo irá guiar todas as diversas decisões no processo de criar este formulário.

Entender qual é o momento que a sua empresa está, quais as necessidades que precisam ser atendidas e que tipos de leads que deseja gerar são alguns passos para desenhar uma estratégia.

Por exemplo, se sua marca já tem uma cartela de clientes considerável e precisa de leads qualificados, seria interessante utilizar campos como “você recomendaria para um amigo?”, ou “Compartilhar este conteúdo nas redes sociais”.

Porém, se o seu objetivo é aumentar o Mailing, a lista de emails para disparar conteúdos, apenas o mais crucial deve ser exigido no formulário, sempre entendendo que o que atrai os leads será o benefício prometido, que deve ser de alta qualidade.

Use plataformas de automação na sua estratégia

DICA 3 – PERGUNTE APENAS O NECESSÁRIO!

Os dados pessoais nunca foram tão valiosos e seu público sabe disso. Detalhes como CPF, celular, endereço e preferências pessoais podem fazer com que mais da metade dos que começaram a preencher os campos desista.

Com a alta velocidade dos atuais processadores, a expectativa dos internautas é de que tudo seja ágil e veloz.

Dessa forma, somente os dados indispensáveis devem ser solicitados, como o nome (completo ou não) e o e-mail.

Entretanto, elementos como gênero, idade, cidade, profissão, entre outros detalhes podem até ser realmente muito úteis para alimentar o banco de dados da sua equipe de Marketing, qualificando os leads de forma precisa.

É preciso usar de bom senso para não pedir informações desnecessárias ou esquecer algo elementar para poder posteriormente iniciar uma abordagem.

DICA 4 – O DESIGN FARÁ TODA A DIFERENÇA!

Algo que de fato é muito decisivo é o design deste formulário, que  deve aliar a identidade visual da marca com o minimalismo moderno dos sites mais sofisticados.

Quanto mais simples e “clean”, maior será a sensação de profissionalidade e confiança.

As cores e as fontes são elementos importantes, e devem estar em harmonia na página.

Porém, acima de tudo está o botão que deverá ser apertado, o famoso Call to Action (CTA).

Ao invés de “Enviar”, tente trabalhar especificamente com o benefício prometido, como “Quero baixar meu eBook gratuitamente agora”, ou “Obter acesso aos conteúdos exclusivos”.

O convite à ação deve estimular a ideia de que há uma recompensa direta pelo ato de digitar as informações, e isto deve estar destacado na mensagem do botão.

DICA 5 – PROMETA NÃO MANDAR SPAM!

Ter a sua caixa de emails lotada de lixo digital é realmente desagradável, e por isso muitas pessoas resistem ao serem pedidas para dar seus e-mails.

Uma forma honesta de mitigar esse problema é explicitar uma mensagem amiga, logo ao lado do campo para preencher o email, como “Não se preocupe, jamais mandaremos Spam para você”.

Dessa forma, cumpra com sua promessa e envie apenas e-mails realmente relevantes e personalizados, evitando folhetos comerciais genéricos e desinteressantes.

DICA 6 – AUTOMATIZE O DISPARO DE EMAIL

Se tudo der certo, você receberá emails e nomes de pessoas reais que estão interessadas no conteúdo que foi disponibilizado.

Esses dados preciosos devem nutrir seu banco de dados, auxiliando sua equipe de Vendas e aumentando consideravelmente as taxas de conversão.

Assim que o usuário apertar o botão CTA, é importante que seja enviado um email dando “boas vindas”, da maneira mais cuidadosa possível.

Trocar o frio “senhores(as) usuários(as)” pelo nome verdadeiro do cliente pode parecer algo muito simples para softwares de automação de emails, mas é completamente decisivo para otimizar o relacionamento dos leads com a marca.

Essa relação de intimidade, se bem construída, pode possibilitar outras chances para o preenchimento de formulários como pesquisa de satisfação, pesquisa de interesse, etc.

Estratégias de e-mail marketing lucrativo
Você pode usar e-mail marketing

DICA 7 – INTEGRE AS EQUIPES

Estudar e traçar o perfil dos clientes deve ser uma atividade contínua, e por isso, suas equipes de Vendas e de Marketing devem estar bem alinhadas.

A maioria das organizações utilizam de ferramentas como Follow Up para que todos saibam, remotamente, quais os detalhes de cada cliente e seu estágio no Funil de Vendas.

Apenas abrir uma caixa para captar emails não trará nenhum resultado.

É preciso que os profissionais tenham tempo e espaço para conversarem sobre as abordagens, o que tem dado certo e o que tem dado errado.

As reuniões devem ser guiadas para serem um espaço seguro e confortável, fazendo com que todos estejam “na mesma página”.

DICA 8 – NÃO EXAGERE

É muito comum ver anúncios como “3 eBooks gratuitos” ou “7 conteúdos exclusivos sobre…”, ou “Cupom de 90% OFF”.

Na verdade, o seu público sabe quando você está sendo pedante e entregando coisa demais por um simples formulário.

Novamente o bom senso deve ser empregado, afinal, se o benefício prometido for ridiculamente descartável, como um arquivo em pdf com o mesmo conteúdo do site, o usuário provavelmente irá cancelar a subscrição no primeiro e-mail que receber.

É difícil acertar na dose e entregar algo que seja interessante, porém, não entregue tudo.

Marcas que vendem serviços como aulas online, por exemplo, podem oferecer acesso a algumas aulas gratuitas, para instigar o usuário para que compre o curso completo.

Marcas que vendem produtos como ferramentas, por exemplo, podem oferecer um livro digital com tutoriais de jardinagem DIY, utilizando todos os produtos da marca para realização.

Não existe fórmula infalível, mas colocar-se no lugar do usuário pode ajudar muito.

Você daria o seu e-mail em troca do benefício que foi prometido? Não parece ser bom demais pra ser verdade? Este conteúdo não está disponível em outro lugar?

CONCLUINDO

Para aumentar a taxa de conversão dos visitantes da sua Landing Page, uma das formas mais efetivas é utilizando os formulários de captação.

Isso pode exigir um conhecimento técnico avançado, sendo necessário o trabalho de profissionais de Programação e Design.

Para negócios menores, existem diversas opções gratuitas de Plug Ins para a plataforma WordPress, sendo uma opção simples e eficiente para suprir a necessidade de captar emails.

Porém, antes mesmo de definir quais vão ser os campos a serem preenchidos e como essa caixa irá aparecer no site, é importante que as equipes de Marketing, Gestão e Vendas estejam afinadas para conseguir ter o formulário mais objetivo e preciso possível.

Entender o momento em que sua marca está e onde quer chegar são pontos elementares para começar este trabalho, que deve estar em constante aprimoramento.

Os Formulários para Captação de Leads devem ser carinhosamente trabalhados, não subestimando o valor do e-mail pessoal do seu público. Se bem arquitetado, pode ser uma porta para a entrada de muitos contatos que irão se consolidar como clientes fiéis.

Agora que você já entende bem como funcionam os formulários para captação de Leads e conhece as estratégias e ferramentas para aplicar na sua Landing Page, mãos à obra!

Converse com profissionais da área e defina as metas mensais para alcançar em equipe.

Quantidade nem sempre significa qualidade, portanto, valorize cada conversão como se fosse a única.

Compartilhe o post:

Tags: , ,


0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Siga-nos: